Scalped – “Manufactured Existence Obsolescence”(CD)(Belo Horizonte/MG)(Nacional - 2019)(Songs For Satan)


Death metal técnico, visceral e sem frescura, formula já conhecida por quem conhece o trabalho desses mineiros e que continua sendo uma descrição perfeita para o novo disco intitulado “Manufactured Existence Obsolescence”. O disco novo traz 10 faixas matadoras e com uma sonoridade até mais intensa que o antecessor, digo isso sem medo de errar. Não tem uma baixa no disco, o quarteto consegue soar com intensidade, agressividade, técnica, sem perder o pico. Destaco o vocal avassalador de Fernando Campos que se apresenta mais podre do que nunca. Faixas como “Cognitive Taxidermy”, “Veneral Social Darwinism” e “Egolatry” traduzem muito bem o que é o disco, inclusive a última citada está disponível no YouTube com um extremo videoclipe onde explicita ainda mais o conteúdo lírico da mesma. Banda recomendada aos amantes dos mestres do brutal death metal como Deicide (atual), Immolation, Suffocation, entre outras. Ressalvo que o Scalped não perde em nada pra essas citadas. Scalped com certeza já figura entre os grandes nomes da música extrema brasileira e “Manufactured Existence Obsolescence” veio pra solidificar ainda mais o nome da banda. Mais um lançamento incrível pela Songs For Satan.


Músicas:
1. Intro – The Tyrants Architecture
2. Cognitive Taxidermy
3. Veneral Social Darwinism
4. Histronic Collapse
5. Dissociative Catalpsy
6. Egolatry
7. Intro Part II – Indoctrinated Infected Awareness
8. Polytheistic Necromancy
9. Stoic Cataclysm
10. Aphasia

Formação:
Fernando Campos (vocais)
Thiago Macedo (guitarra)
Bruno Mota (baixo)
Marcelo Aufrene (bateria)

Acompanhe a Scalped através das redes:
0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.