Toth estreia com videoclipe 'Neverland'

Crédito: Renan Facciolo
Grupo paulistano segue um conceito visual/estético baseado em deuses egípcios

Baseado na união de conceito, imagem e música, o quarteto paulistano Toth faz sua estreia com o videoclipe do single "Neverland". "É uma música extremamente importante, pois é o 'cartão de visitas' da Toth. É uma canção envolta por arranjos pesados e modernos. Como temos a preocupação de soarmos atuais, sem perder a essência do rock/metal, colocamos beats eletrônicos, riffs marcantes, solos, e 'Neverland' resume bem a nossa personalidade musical", explica o vocalista Demmoha.

Veja o clipe de "Neverland" em: https://youtu.be/cNi1fdebhZc

A letra de "Neverland" trata da transição da fase jovem para o início da fase adulta. "É a fase em que as responsabilidades começam a pesar e o tempo para se fazer aquilo que gostamos vai ficando menor. Nos tempos modernos, muitas pessoas passam por muita dificuldade nessa transição. Por isso, faço analogias com a história do Peter Pan, a fim de tratar o tema de uma forma lúdica. É um reflexo da minha alma e, basicamente, sou eu dizendo que já passei por aquilo e me identifico com as pessoas que estão vivendo esses momentos. São letras muito pessoais", revela o guitarrista Dr. Oblivium.

O clipe, dirigido por Júlio César Dalecio, retrata o saudosismo de uma infância. "O vídeo, em que o ator é um aluno meu de bateria, Yan Zahran, procura fazer com que aquela inocência, de certa forma, nunca desapareça", diz Dr. Oblivium, que, além da guitarra,  também leciona bateria.

"Neverland", que integrará o EP "Rise of the Gods", marcado para ser lançado em agosto, foi gravada no Loud Factory (SP), com produção a cargo do vocalista Demmoha, do guitarrista Dr. Oblivium e dos produtores Wagner Meirinho e Tiago Assolini. Já os arranjos eletrônicos ficaram por conta de Marcelo Santanna, da Aquahertz.

Criado no início de 2018, o Toth segue um conceito visual/estético baseado em deuses egípcios. "Cada integrante personifica uma respectiva entidade. A teatralidade é parte fundamental da banda, e o uso de máscaras faz referência a quatro deuses: Toth, Sobek, Anubis e Horus", relata o baixista Atef. "Toth é o deus egípcio da sabedoria, que é a grande bússola para nos guiar nos labirintos da vida. Ser Toth é estar em contato direto com cada sentimento profundo e saber entendê-lo. É entrar em contato com nosso alterego oculto e trazê-lo para a superfície. Acima de tudo, ser Toth é saber que você não está sozinho e não precisa atravessar o inferno sem ajuda", conclui Dr. Oblivium.

Toth:
Dr. Oblivium (guitarra)
Demmoha (vocal)
Atef (baixo)
Her'rur (bateria)

Contatos:
@theofficialtoth - Instagram
@officialtoth - Facebook

Fonte: ASE Music
0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.