Sky in Flames encerra atividades por tempo indeterminado - CANGAÇO RÁDIO ROCK

Sky in Flames encerra atividades por tempo indeterminado


Mais uma banda que encerra as atividades de forma dramática, o Sky in Flames natural de Esteio RS anuncia em sua pagina no Facebook o encerramento de suas atividades por falta de baterista, um músico cada vez mais difícil de ser encontrado na cena underground nacional e que parece não haver reposição apenas no Sul do País mas nele por um todo, relatos de bandas que encerram as atividade por falta desta mão de obra surgem todos os meses e a falta de interesse dos músicos que abrangem esta área aumenta cada vez mais, infelizmente é o músico que mais sofre em uma banda pois seu equipamento tem um custo muito alto e a reposição ou manutenção do mesmo também tem um custo altíssimo, o que faz com que aqueles que ainda se mantém ativos na cena passem a cobrar um cache fixo por shows o que torna inviável para bandas que em muitas das vezes não recebem nem o auxílio para o deslocamento para duas apresentações;

No caso da banda Sky in Flames o ultimo baterista Jeferson Pereira que saiu da banda no final de 2016 se manteve no posto por 10 anos e desde então a banda não conseguiu firmar ninguém no comando das baquetas;

A banda tem uma discografia iniciada pela Demo Blinded by hate lançada em 2006, seguido pelo Single Carnal Putrefaction lançado em 2007, seis anos depois em 2013 a banda lança mais um Single intitulado No god no christ no inquisition e por fim em 2015 é lançado o EP In cailleach winter veil, trabalho que teve apresentações no Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul;

Em Janeiro de 2018 ao falar com Wagner Santos sobre o futuro da banda, questionamos ele sobre o direcionamento da banda que aparece nas plataformas digitais como uma banda de Death Metal mas que na verdade todos que gostam de musica extrema sempre mencionam a banda como Técnica e Progressiva e o mesmo nos disse o seguinte:

Wagner Santos: Embora o nosso último trabalho tenha soado bem extremo, temos duas faixas que possuem elementos técnicos e progressivos em suas essências sendo elas a Into the Light e a Shadows, mas as musicas que estavam sendo compostas para o que seria o próximo EP já eram muito mais técnicas e com característica progressivas mais explicitas;

Carl Weiss: Este que seria o próximo lançamento da banda que você mencionou, haveria a possibilidade de ser gravado com uma bateria não orgânica? No intuito de liberar mais um trabalho na tentativa de achar um baterista?

Wagner Santos: Talvez não soe da forma que acreditamos que tenha que ser, e se iniciarmos uma gravação agora não teríamos paciência para esperar a chegada de um baterista para finalizar o trabalho, sendo assim se o mesmo não ficasse da forma que a gente propõe seria tempo e dinheiro jogado fora;

Carl Weiss: Qual plataforma digital a banda esta disponibilizando para Streaming e Download do trabalho da banda?

Wagner Santos: O que temos de momento é o Soundcloud mas em breve migraremos para o Palco Mp3 onde poderemos deixar as letras das músicas, por hora deixo o link que esta disponível:
https://www.soundcloud.com/sky-in-flames

Esperamos que num futuro não muito distante o Sky in Flames possa retornar aos palcos e que a banda lance o mais rápido possível o próximo trabalho mesmo sem baterista pois o que eu vi sinceramente é um diferencial enorme não apenas na cena nacional, mas um banda para por de frente com os gringos da musica extrema;

Deixo aqui minha indicação, espero que possam ouvir a faixa Into the Light e deixar seus comentários sobre esta musica na página do Facebook da banda.
https://www.facebook.com/skyinflames

Fonte: Domini Inferi

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.