Vociferatus - "Mortenkult" (Rio de Janeiro/RJ) (CD) (2016 - Nacional) (Eternal Hatred Records)


Bruto, extremamente violento e muito conciso. É desta forma que enxergo o primeiro álbum da horda carioca Vociferatus, intitulado “Mortenkult”, lançado primeiramente no formato digital e que será disponibilizado no país pela Eternal Hatred Records no formato físico.
Com uma produção refinada e sem exageros, que as vezes o gênero do Black/Death Metal adotam, a banda destila toda sua fúria, contida em canções que nos remetem ao citado segmento, só que dentro de uma mescla da antiga escola brasileira dos anos 80 e 90, com a europeia dos anos 90. Excelente também é a arte da capa, assinada pelo competente Marcelo Vasco, que soube dar conotação visual condizente com o direcionamento musical proposto. Como destaques, gostei bastante das ótimas “Blood Runs Over Bayt Lahm” e “Storms Are Mine”, esta segunda provavelmente a melhor dentre todas.
Mais um nome de peso entra para o rol das grandes revelações da cena extrema brasileira. Acredito que ouviremos falar muito desta banda, tendo em vista que tem o suporte de um dos maiores selos atuantes destas paragens. Item obrigatório.

Ouça a faixa “Storms Are Mine”:


Por Cristiano Novais

Músicas:
1. Eloi, Eloi, Lama Sabachthani
2. Blood Runs Over Bayt Lahm
3. The New Opposition
4. Storms Are Mine
5. Terrível Coisa é Cair nas Mãos do Deus Vivo
6. Mortenkult
7. Chaos Legions Battlefront
8. Where Hope Dies
9. Amenti


Integrantes:
Pedrito Hildebrando (Vocais)
Luiz Mallet (Guitarras)
Filipe Lima (Guitarras)
Lucas Zandomingo (Baixo)
Augusto Taboransky (Bateria)

Acompanhe Vociferatus através das redes:
www.facebook.com/vociferatus
www.twitter.com/vociferatus
www.myspace.com/vociferatus
www.reverbnation.com/vociferatus
www.youtube.com/vociferatuslegion

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.